Especialidades > Cirurgião Plástico

Cirurgião Plástico é o médico especialista em cirurgia plástica, que tem por objetivo a reconstituição de uma parte do corpo humano por razões médicas ou estéticas.

Sendo assim, a cirurgia plástica se desenvolve sob duas facetas: a cirurgia plástica reparadora e a cirurgia plástica estética.

Veja outras Especialidades!

Formação do Cirurgião Plástico

Todo cirurgião plástico, é antes de qualquer coisa um médico.

Contudo, para o médico ser considerado um cirurgião plástico, ele precisa fazer residência durante mais cinco anos. Os dois primeiros anos conferem a ele o título de cirurgião geral. É neste período que o médico passa a ter intimidade com os procedimentos cirúrgicos gerais.

Para ser considerado cirurgião plástico, ele ainda precisa estudar mais três anos, fazendo residência em cirurgia plástica em uma das escolas credenciadas pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), único órgão oficial reconhecido pelo Conselho Regional de Medicina (CRM).

Nesta fase, além de estudar e aprender técnicas específicas, ele é orientado por um associado-titular da sociedade.

Até aqui foram 11 anos de investimento no conhecimento.

O próximo passo é realizar um exame para ingressar na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Se aprovado, terá o título de especialista homologado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e será considerado membro associado da SBCP.

Cirurgias Plásticas

A cirurgia plástica reparadora tem como objetivo corrigir lesões deformantes, defeitos congênitos ou adquiridos.

É considerada tão necessária quanto qualquer outra intervenção cirúrgica.

O cirurgião plástico também realiza procedimentos com o objetivo de realizar melhoras na aparência do seu paciente.

Atualmente, as duas cirurgias plásticas estéticas mais realizadas no Brasil são a lipoaspiração e o implante de prótese de silicone nos seios.

Cirurgia Plástica em Ex-Obesos

Com o crescente número de pacientes que se submetem a gastroplastia redutora, consequentemente cresce o número de cirurgias plásticas em ex-obesos.

Após doze meses da cirurgia, o paciente apresenta considerável excesso de pele, devido à redução de peso.

As cirurgias plásticas são necessárias para a remoção desse excesso de pele — que, em alguns casos, são consideradas como cirurgias higiênicas.

A mais comum das cirurgias plásticas em ex-obesos é a abdominoplastia, seguida da mastopexia (com ou sem implante de silicone) e dos liftings crural, toracobraquial e cervicofacial.

O objetivo maior dessas cirurgias é a remoção dos últimos vestígios da obesidade, para proporcionar ao paciente melhora de sua autoestima e, consequentemente, de sua qualidade de vida.

Tipos de Cirurgias Plásticas

  • Cirurgia de orelha (Otoplastia)
  • Aumento das mamas
  • Prótese de Glúteo
  • Lipoaspiração
  • Rejuvenescimento da fronte
  • Aumento labial
  • Cirurgia das pálpebras
  • Plástica de Nariz (Rinoplastia)
  • Transplante Capilar
  • Reconstrução mamária
  • Redução de mama masculina
  • Cirurgia de reparação de cicatriz
  • Mini redução de barriga
  • Remodelamento corporal
  • Lipoescultura
  • Lipoaspiração
  • Toxina Botulínica
  • Peeling químico
  • Peeling a laser
  • Dermoabrasão
  • Injeção de Gordura

A Leve Saúde conta com os melhores Cirurgiões Plásticos e profissionais de confiança que são qualificados e preparados para sua necessidade.

Agende agora mesmo sua Consulta!

 

Links Úteis